6 horas

Tumblr_m55ja8lerv1r5ybgjo1_500_large

 

O sol, que entra pelas frestas das cortinas, bate no meu rosto de forma afável. Ainda de olhos fechados imagino um pretexto para abri-los, mas só me convenço do contrário. Não, não quero acordar.

A falta de ansiedade, a minha rotina trivial. A melancolia de ter de parecer bem, só me trás mais consternação. Tantos contras pra poucos prós. De cansaço visível, me arrasto pela porta. Meu reflexo só afirma o que já se sabe: Não, eu não quero acordar. Com a agradável brisa das manhãs, sigo minhas práticas constantes e então, sou tomada por uma lembrança frustrante.

 É sábado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s